Proença-a-Nova: Clube de Leitura recebeu Inês Cardoso na última sessão do ano

A jornalista e escritora Inês Cardoso, com raízes no concelho de Proença-a-Nova, foi a convidada deste mês do Clube de Leitura Aristóteles Lusitano que reuniu no dia 29 de novembro na Biblioteca Municipal. 

  • Cultura
  • Publicado: 2019-12-06
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

A jornalista e escritora Inês Cardoso, com raízes no concelho de Proença-a-Nova, foi a convidada deste mês do Clube de Leitura Aristóteles Lusitano que reuniu no dia 29 de novembro na Biblioteca Municipal.

Segundo a informação a que o Diário Digital teve acesso, Alfredo Bernardo Serra, que fez a apresentação da autora, recuperou uma entrevista em que Inês Cardoso refere que os seus filhos são a sua grande inspiração para escrever livros como “Venci-te, Jeremias”, “Letras Caídas” ou “De Londres ao Porto numa Gaivota”. “É neste processo de relação presente e afetuosa com os filhos, na auréola da fantasia e no vaivém da imaginação, que se vão construindo as histórias contadas ao adormecer, histórias fabulosas que Inês Cardoso verte nos livros com a força da imaginação materializada no poder mágico da palavra escrita”, referiu.

Apesar de serem livros para o público infantil, o que se destaca é que não utilizam uma linguagem infantilizada. Inês Cardoso refere que estes livros têm como objetivo promover o crescimento da criança, até pelos temas abordados. Por exemplo, em “Venci-te, Jeremias!” são os medos o tema principal, materializados no monstro Jeremias que acaba por ser vencido pela ternura. Neste caso, as ilustrações são de Catarina Alves, também com raízes em Proença-a-Nova; em Letras Caídas é Alexandra Brito que ilustra a história de um rapaz que tem a missão de voltar a ordenar as letras que saltaram do livro que estava a ler; “De Londres ao Porto numa Gaivota” é Rita M. Pereira que traduz em imagens a saudade de Sofia, a viver em Londres há 427 dias. 

No início da sessão, o vice-presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, João Manso, relembrou Hélio Proença - pseudónimo de Victor Cardoso, autor de “Um Encantador Apelos das Raízes”, recentemente falecido, destacando a obra em que verseja sobre as aldeias do concelho. O Clube de Leitura Aristóteles Lusitano regressa no dia 30 de janeiro com a presença de Manuel Arouca, autor da telenovela Jardins Proibidos e de romances como Costa do Sol e O Jovem Surfista, que apresentará o seu mais recente livro de ficção “Lúcia, a última mensagem”. A sessão realiza-se às 21h00 na Biblioteca Municipal e tem entrada livre.

PUB

PUB

PUB

PUB