Castelo Branco: Geopark Brasileiro destaca evolução sustentável do Geopark Naturtejo durante visita

O Geopark Naturtejo Mundial da UNESCO recebeu, nos dias 13 e 14 da semana passada, uma delegação do Geopark Seridó, situado em Rio Grande do Norte, no Brasil, para uma visita técnica ao território. 

  • Região
  • Publicado: 2023-09-18 19:47
  • Por: Diário Digital Castelo Branco

A comitiva foi acompanhada pela equipa do Geopark Naturtejo e por José Brilha, professor da Universidade do Minho e membro da Comissão Mundial sobre Áreas Protegidas e do Grupo de Especialistas para o Património Geológico da IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza).

Para os coordenadores do Geopark Seridó, Janaina Medeiros e Marcos Nascimento, o Geopark Naturtejo, o primeiro Geoparque classificado em Portugal, tem sido ao longo dos anos um modelo reconhecido internacionalmente para boas práticas de desenvolvimento sustentável.  

O Geopark Seridó foi oficialmente classificado pela UNESCO em 2022, sendo actualmente um membro extremamente activo e dinâmico no âmbito da Rede de Geoparques na América Latina e Caribe e da Rede Global de Geoparques, com uma forte ligação aos Geoparques em Portugal.

A delegação teve a oportunidade de conhecer a Rota do Fósseis e a Casa dos Fósseis, em Penha Garcia, a Rota dos Barrocais e a Aldeia Histórica de Monsanto, o Miradouro da Falha do Ponsul, em Idanha-a-Nova,  o Parque do Barrocal de Castelo Branco e o Monumento Natural das Portas de Ródão, incluindo a Estação Arqueológica da Foz do Enxarrique. Visitaram também algumas empresas parceiras como a Geocakes e o GeoRestaurante Petiscos e Granitos.

Esta visita foi uma oportunidade de partilha de experiências e conhecimento, assim como de fortalecimento da colaboração entre os dois Geoparques de língua portuguesa.

De recordar que no passado mês de Março, durante a Bolsa de Turismo de Lisboa, os Presidentes dos Geoparques Portugueses reuniram com a Governadora do Rio Grande do Norte para discutir a criação de um Fórum de Geoparques Mundiais da UNESCO de língua portuguesa, estando neste momento a ser desenvolvidos ao trabalhos preparatórios em rede, com o objectivo de estreitar laços, aprofundar e fortalecer a cooperação entre estes territórios e desenvolver projectos comuns.

PUB

PUB

PUB

PUB