Proença-a-Nova: Aldeia Djembe Camp regressa ao Parque de Campismo da Aldeia Ruiva

A Aldeia Djembe Camp está a decorrer em Proença-a-Nova, no Parque de Campismo da Aldeia Ruiva, junto aos Bungalows, onde estão a residir os elementos do grupo, no decorrer desta semana.

  • Cultura
  • Publicado: 2021-09-10 06:03
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Atividade iniciada na terça-feira, dia 7 de setembro, prolonga-se até sábado, 11, dia que marca o término oficial. Será possível participar num workshop de percussão aberto ao público e ainda assistir a um concerto por parte do grupo.

Para André Soares, um dos membros da organização, “o objetivo deste campo é, não só a realização de formações, como também a criação de laços entre os amantes da cultura africana que estão espalhados pela Europa. Para os participantes estrangeiros não é só a questão do encontro, são verdadeiras férias: sentem que podem usufruir do que esta terra tem, conhecerem toda esta gastronomia e tradições. Aqui podemos aprender uns com os outros sobre dança, Balafon ou Corá, que são instrumentos utilizados nas nossas aulas de dança e percussão”.

O organizador, André Soares, mais conhecido como André Dez, refere: “não sou de cá, mas criei grandes ligações com Proença-a-Nova, porque visitava quando era mais novo. É um espaço tão bonito, em contacto com a natureza e onde podemos estar à vontade, porque num evento destes acabamos por fazer algum ruído. Numa das vezes que cá voltei, parei e pensei que este pudesse ser o sítio ideal para fazer um encontro de percussão e dança. Falei com o resto da equipa e decidimos enviar uma proposta para o posto de turismo, que em combinação com a Câmara Municipal de Proença-a-Nova, nos receberam de braços abertos, apoiando-nos muito para que possamos continuar a desenvolver este encontro”.

No último ano no nosso concelho a Aldeia Djembe Camp acolheu turmas da escola primária, que estiveram presentes para realizar formação de percussão e dança. Foi possível ainda ver uma apresentação do grupo no decorrer do Festival do Plangaio e do Maranho. Na edição deste ano o evento será realizado noutros moldes, devido às restrições relacionadas com a pandemia da Covid-19. Nesse dia será oferecido um workshop de percussão, às 17h00; por volta das 22h00, está agendado um concerto com os elementos mais experientes do grupo, na Praia Fluvial da Aldeia Ruiva. 

André Soares apela à participação dos munícipes no dia aberto e deixa ainda uma nota de agradecimento às auxiliares da Praia Fluvial da Aldeia Ruiva, ao Posto de Turismo, a toda a equipa técnica e ao executivo da Câmara Municipal de Proença-a-Nova.

PUB

PUB

PUB

PUB