Sporting da Covilhã empata em Mafra por 2-2

Mafra e Sporting da Covilhã empataram este sábado, dia 24 de Abril, a dois golos, em jogo da 30.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, num encontro em que todos os golos foram marcados no primeiro tempo.

  • Desporto
  • Publicado: 2021-04-25
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

 Mafra adiantou-se no marcador aos 11 minutos, por Camará, mas o Sporting da Covilhã reagiu na jogada seguinte, aos 14, com André Almeida a repor o empate. Aos 22 minutos, Andrézinho recolocou os ‘saloios' na frente, mas o Sporting da Covilhã voltou a reagir, com Wendel, aos 39, a fazer o 2-2 final.

Com este empate, Mafra e Sporting da Covilhã mantêm o jejum de vitórias e elevam para seis o número de jogos sem ganhar. A equipa de Ricardo Sousa, que soma o segundo empate no comando da equipa mafrense, soma agora 35 pontos e está na 11.ª posição da tabela, à frente do Sporting da Covilhã, que, com 32 pontos, ocupa a 12.ª posição.

A primeira parte foi de grande qualidade de parte a parte e a eficácia foi nota dominante. Logo aos quatro minutos, Andrézinho deixou um primeiro aviso, num remate de fora da área, e aos 11 foi Camará a inaugurar o marcador para o Mafra.

Cuca encontrou o avançado à entrada da área e Camará disparou forte, de primeira, sem hipóteses de defesa para Léo Navacchio.

A vantagem ‘saloia' não durou muito e, três minutos depois, o Sporting da Covilhã voltou a empatar o jogo, numa jogada em que brilharam os centrais Jaime e André Almeida. Depois de um livre na direita do ataque serrano, o Mafra não conseguiu aliviar e Jaime cruzou para o centro da pequena área, com André Almeida a ser mais rápido a reagir e a empurrar para a baliza de Godinho.

O Mafra não esmoreceu e aos 22 minutos, numa das mais bonitas jogadas do encontro, fez o 2-1. Desta feita foi Camará a iniciar a jogada, com uma abertura para Carlos Daniel no flanco direito, e o extremo cruzou com mestria para o segundo poste, onde Andrézinho apareceu a fazer o segundo da equipa de Ricardo Sousa.

Já à entrada para os cinco minutos finais do primeiro tempo, o Sporting da Covilhã voltou a empatar o jogo e respondeu ao segundo golo do Mafra igualmente com uma jogada de entendimento no seu ataque. Numa transição rápida depois de uma recuperação de bola a meio campo, os serranos isolaram Jean Felipe na direita e o lateral cruzou para Wendel, que, com um remate de primeira, se estreou a marcar na II Liga.

A segunda parte no Municipal de Mafra foi bem mais calma do que a primeira e a primeira oportunidade de golo chegou apenas depois do minuto 60, com Enoh perto de festejar para o Sporting da Covilhã, mas a ‘esbarrar' em duas grandes defesas de Godinho, que segurou o empate para o Mafra.

Aos 70 minutos, a formação do Oeste, que acabou o encontro reduzida a 10 devido à expulsão por acumulação de amarelos do recém-entrado Kaká, reagiu por Gui Ferreira, num remate fortíssimo para defesa apertada de Léo Navacchio, que pouco depois teve um descuido na defesa a um livre, mas que acabou por emendar a tempo, com a bola a ‘cheirar' a linha de golo.

 

Jogo no Estádio Municipal de Mafra.

Mafra - Sporting da Covilhã, 2-2.

Ao intervalo: 2-2.

Marcadores:

1-0, Camará, 11 minutos.

1-1, André Almeida, 14.

2-1, Andrézinho, 22.

2-2, Wendel, 39.

 

Equipas:

- Mafra: Godinho, Nuno Campos, João Miguel, Pedro Barcelos, Gui Ferreira (Bruno Fonseca, 83), Ismael, Andrézinho (Fidelis Irhene, 84), Cuca, Carlos Daniel (Kaká, 73), João Graça (Okitokandjo, 72) e Camará (Rodrigo Martins, 90+4).

(Suplentes: Filipe Neves, Bruno Fonseca, Rodrigo Martins, Fidelis Irhene, Okitokandjo, Kaká, Lee, Tomás Domingos e Miguel Lourenço.)

Treinador: Ricardo Sousa.

- Sporting da Covilhã: Léo Navacchio, Jean Felipe, André, Jaime, Joel Vital, Tiago Moreira, Gilberto, Filipe, Jorge Vilela (Hanan, 78), Wendel (Areias, 90+1) e Enoh (Léo Cá, 90+3).

(Suplentes: Igor, Felipe Macedo, Areias, João Cardoso, Hanan, N'Dao Lamine, Léo Cá, Bernardo e Inusah).

Treinador: José Bizarro.

 

Árbitro: Carlos Macedo (AF Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Jorge Vilela (60), Kaká (74 e 76), Wendel (79) e Godinho (81). Cartão vermelho por acumulação de cartões amarelos para Kaká (76).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.

PUB

PUB

PUB

PUB