Castelo Branco: Parque do Barrocal reforça segurança e vigilância dos visitantes através de drones

O Parque do Barrocal encontra-se a implementar um projeto que visa a utilização de drones para reforçar os meios de segurança e vigilância do parque e proteção dos seus visitantes.

  • Região
  • Publicado: 2021-04-08
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco
É um projeto da Câmara Municipal que conta com o apoio da Albatroz Engenharia na formação, na criação de manuais e procedimentos de operação e no planeamento de missões no Barrocal.
Segundo a informação enviada ao Diário Digital Castelo Branco pelo Gabinete de Apoio ao Presidente (GAP) da Câmara, a empresa ligada ao setor de engenharia aeronáutica instalou em 2019 um polo de 
investigação e desenvolvimento na cidade. No texto do GAP, substituto do Ex-Gabinete de Comunicação, o presidente da autarquia albicastrense, José Augusto Alves, refere que “Castelo Branco tem assumido um papel muito ativo ao nível do Empreendedorismo e Inovação. O projeto que está a ser desenvolvido é um bom exemplo de aproximação do tecido empresarial ao domínio público. Queremos continuar este caminho, fazendo jus ao reconhecimento de Castelo Branco enquanto Região Europeia do 
Empreendedorismo”.
Com uma extensão de 40 hectares, o Parque do Barrocal apresenta uma área visitável de 11 hectares que convidam à descoberta e aventura.
Assim, numa ótima de vigilância e prevenção, os drones funcionarão como um
complemento ao sistema de segurança existente, contribuirão para dissuadir
comportamentos de incumprimento das regras estabelecidas para o parque, funcionando também ao nível da proteção e apoio em eventuais casos de desnorte, perda ou outro tipo de adversidades que possam ter lugar.
Esta iniciativa surge no âmbito da parceria entre o Município e o Centro de Empresas 
Inovadoras, potenciando o envolvimento das empresas aí existentes no desenvolvimento de soluções inovadoras aplicadas às necessidades do município albicastrense.

PUB

PUB

PUB

PUB