Inscrições abertas para o 10º campo arqueológico de Proença-a-Nova

As inscrições para o 10º campo arqueológico de Proença-a-Nova, que se realizará de 5 a 31 de julho, estão abertas para estudantes e licenciados em Arqueologia ou detentores de outro grau académico que se interligue com Arqueologia (ex. História, Antropologia, Arqueociências entre outros), embora possa ser aceite a participação de outros interessados (público adulto entre os 18 e 65 anos).

  • Região
  • Publicado: 2021-02-22
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Considerando a evolução da situação epidemiológica no país e a sua imprevisibilidade, algumas atividades poderão ser adiadas ou canceladas em função da evolução da pandemia.

Segundo informação a que o Diário Digital Castelo Branco teve acesso, o Campo Arqueológico de Proença-a-Nova (CAPN) é um modelo misto de campo de trabalho, investigação e aprendizagem para alunos, preferencialmente dos ramos da arqueologia, da história e das arqueociências, que teve início em 2012 como Campo Arqueológico de Proença-a-Nova e que a partir de 2013 tomou um cariz internacional. O intuito destes campos é estudar, preservar e divulgar os sítios arqueológicos do concelho dando a conhecer um património que ainda é desconhecido de muitos.

Promovido pelo Município de Proença-a-Nova em parceria com a Associação de Estudo do Alto Tejo, a campanha de verão do 10º Campo Arqueológico de Proença-a-Nova (CAPN) estão previstas para três sítios arqueológicos: Campo 1: Bateria das Batarias (séculos XVIII e XIX) - 05-17 de julho; Campo 2: Capela Velha do Peral (séculos XV a XVII) - 12-24 de julho; Campo 3: Sepultura Pré-histórica (a definir) - 19-31 de julho.

Para além dos campos arqueológicos, o CAPN tem previstas outras atividades lúdico-didáticas, como conferências, debates e visitas de estudo. No dia 25 de julho será apresentado o livro "Proença-a-Nova. Arqueologia e Património". 

Mais informações aqui.

PUB

PUB

PUB

PUB