Proença-a-Nova: Vencedores do Prémio Literário Pedro da Fonseca conhecidos a 15 de agosto

Os vencedores da terceira edição do Prémio Literário Pedro da Fonseca serão conhecidos a 15 de agosto, com os resultados a serem divulgados no site pdo Município (www.cm-proencanova.pt) e na página do Facebook.

  • Cultura
  • Publicado: 2020-06-28
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Segundo informação a que o Diário Digital teve acesso, o júri é composto por quatro elementos que já estão presentes desde a primeira edição desta iniciativa: Elsa Ligeiro, editora da Alma Azul, Inês Cardoso, subdiretora do Jornal de Notícias, Isabel Bessa Garcia, em representação do Agrupamento de Escolas de Proença-a-Nova, e João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova. A eles junta-se Hélio Loureiro, conhecido chef, tendo em conta o seu conhecimento da gastronomia do concelho que é precisamente o tema do Prémio Literário Pedro da Fonseca: O Palato - Gastronomia Tradicional do Concelho de Proença-a-Nova.

Esta quinta-feira, 25 de junho, o júri realizou a primeira reunião para a análise dos incumprimentos ao Regulamento, depois de o prazo para receção de trabalhos (em prosa e poesia) ter terminado a 29 de maio. Até ao momento foram rececionadas 58 participações, podendo este número aumentar tendo em conta os atrasos nas comunicações internacionais devido à pandemia da COVID-19. “Voltamos a ter um número interessante de participações, principalmente de Portugal e Brasil, e dos portugueses de 33 concelhos a nível nacional, o que não deixa de ser curioso tendo em conta a especificidade do tema”, considera João Lobo, presidente da autarquia e, por inerência, do júri. “Para além de divulgarmos a figura de Pedro da Fonseca, estamos a utilizar o Prémio Literário para motivar a pesquisa sobre marcas distintivas do nosso território, em que a gastronomia assegura também vetor de principal do conhecimento das vivências das nossas gentes e, por essa via, fonte de atratividade no mundo de hoje”. 

O melhor trabalho em cada uma das categorias a concurso – prosa (conto) e poesia – recebe um prémio monetário no valor de 1.500,00 €.

PUB

PUB

PUB

PUB