Lista de devedores de impostos passa a integrar mais 1.894 nomes e maioria são gestores ou gerentes

A lista de devedores Direcção-Geral dos Impostos passou a integrar mais 1.894 nomes, 1.126 dos quais são gestores ou gerentes de empresas que foram legalmente responsabilizados pelas dívidas, anunciou hoje o Ministério das Finanças.

  • País
  • Publicado: 2010-04-01 12:56
  • Por: Diario Digital Castelo Branco/Lusa
A lista de devedores Direcção-Geral dos Impostos passou a integrar mais 1.894 nomes, 1.126 dos quais são gestores ou gerentes de empresas que foram legalmente responsabilizados pelas dívidas, anunciou hoje o Ministério das Finanças.

Segundo um comunicado divulgado pelo ministério tutelado por Teixeira dos Santos, a lista de devedores integra atualmente 22.476 nomes.

Até hoje, "encontravam-se publicitados 20.582 devedores, 7.523 dos quais são pessoas coletivas e 13.059 são pessoas singulares".

Nestas últimas, refere o comunicado, "estão incluídos 7.146 administradores e gerentes de sociedades que foram responsabilizados pelo pagamento dos impostos devidos por essas sociedades, dada a respetiva ausência de património".

O Ministério das Finanças afirma que "a publicitação da lista de devedores tem sido um importante instrumento de indução ao pagamento das dívidas", referindo que "o valor das dívidas já recuperadas pela Administração Fiscal aos devedores submetidos ao procedimento de publicitação ultrapassou já mil milhões de euros, sendo que, em 2009, o valor pago por esses devedores atingiu 318 milhões de euros".

A atualização da lista de devedores, disponível em www.portaldasfinancas.gov.pt, é diária, sendo excluídos da lista os devedores à medida que as dívidas vão sendo pagas.

PUB

PUB

PUB

PUB