Idanha-a-Nova: Agrupamento de Escolas termina ano letivo com refeições escolares biológicas

O ano letivo em Idanha-a-Nova termina com refeições escolares 100% biológicas, confecionadas com produtos deste município que é a primeira Bio-Região de Portugal.

  • Educação
  • Publicado: 2021-07-03 00:00
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

A Câmara Municipal de Idanha-a-Nova implementou o consumo diário de produtos biológicos no refeitório do Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro, frequentado por alunos do 5º ao 12º ano e cuja gestão direta foi assumida recentemente pelo Município através do processo de descentralização de competências. 

Em comunicado enviado ao Diário Digital Castelo Branco, a autarquia refere que o trabalho realizado tem permitido que o refeitório escolar incorpore, progressivamente, mais alimentos biológicos na ementa, desde a sopa, à salada, à fruta e até mesmo ao prato principal.

Em simultâneo, é dada primazia aos produtos agroalimentares locais, numa lógica de promoção dos circuitos curtos de comercialização, economia circular e redução das emissões de carbono. 

A iniciativa integra o Projeto-Piloto de Refeitórios Escolares Biológicos promovido pelo Governo e liderado pela Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) com o objetivo de incorporar produtos biológicos nas ementas dos refeitórios públicos.

O grupo de trabalho em que o Município se insere foi criado no âmbito da Estratégia Nacional para a Agricultura Biológica e envolve também a Direção-Geral de Educação e Direção-Geral de Saúde, Agrobio, bem como outras entidades da administração pública e estabelecimentos escolares.

PUB

PUB

PUB

PUB