Ródão: Coligação "Novo Rumo" quer encerramento provisório da central termoelétrica da Bioenergy

A Coligação “Novo Rumo – PPD/PSD-CDS/PP” apresentou na última Assembleia Municipal, realizada a 26 de Fevereiro, uma exposição sobre o encerramento provisório da central termoelétrica da Bioenergy, ex-Centraoliva.

  • Região
  • Publicado: 2021-03-07
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

O resultado do Relatório da Inspeção Extraordinária efetuado pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil à Centroliva,  detetou várias desconformidades e irregularidades relacionadas essencialmente com as condições em que se encontram os vários edifícios, com a inexistência e falta de manutenção de equipamentos de segurança e ainda problemas ao nível de licenciamentos.

Segundo o comunicado de imprensa enviado ao Diário Digital Castelo Branco, a coligação "Novo Rumo" refere que o encerramento provisório da central termoelétrica da Bioenergy – Sociedade de Produção de Energia SA – prende-se, portanto, com problemas internos desta unidade que afetam, sobretudo, a segurança e as condições de trabalho dos seus colaboradores.

"Não podemos, contudo, esquecer-nos dos impactes negativos causados pelo funcionamento da Centroliva em termos ambientais e da qualidade de vida das populações envolventes. Estes impactes, que se verificam há vários anos, devido a um mau desempenho tecnológico com incumprimento da legislação ambiental motivaram a contestação desta situação por parte da população, da câmara municipal e desta assembleia municipal que têm, em sintonia, tentado contrariar este insustentável problema", lê-se no texto.

A coligação partidária afirma ser pelas empresas, grandes, médias e pequenas, mas diz que o Município precisa de empresas respeitadoras das boas práticas ambientais e sociais. Empresas que valorizem os territórios e as pessoas numa perspetiva moderna do que deve ser uma atividade económica sustentável.

Ao terminar, diz que se nos congratula com o encerramento da Centroliva mas, ao mesmo tempo, salientar que fazem votos para que esta empresa resolva os problemas no seu interior não esquecendo que tem também que criar as soluções para resolver os problemas que afetam tão gravosamente o exterior antes de poder retomar a sua atividade facto sem o qual esta empresa não poderá ser considerada grata em Vila Velha de Ródão.

PUB

PUB

PUB

PUB