Covid-19: Idanha-a-Nova alarga o apoio alimentar a mais famílias

Num período particularmente difícil para as famílias, a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova alargou em mais de 100% o número beneficiários de apoio alimentar do seu Banco Social.

  • Economia
  • Publicado: 2020-05-20
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Segundo a informação enviada ao Diário Digital, neste momento são beneficiários do apoio alimentar 291 munícipes, que recebem mensalmente um cabaz de alimentos equilibrado, concebido para garantir a quantidade, diversidade e qualidade adequadas às necessidades dos agregados familiares.

A ação movimenta atualmente mais de três toneladas de alimentos. Tem como fontes o Banco Alimentar Contra a Fome, reforçado pela autarquia para criação de um Cabaz Padrão, e o programa de apoio alimentar do Instituto da Segurança Social (POAPMC), que também tem vindo a alargar o número de beneficiários.

Face à pandemia de Covid-19, a distribuição dos cabazes alimentares está a ser feita ao domicílio. O objetivo é evitar circulação de pessoas e, sobretudo, investir num serviço de proximidade, personalizado e humanizado, para melhor acompanhamento e perceção de necessidades.

Vivemos tempos de incerteza, por isso, é ainda de destacar o Cabaz SOS. Esta medida permite a qualquer cidadão residente no concelho de Idanha-a-Nova, singular ou com família, em situação de emergência, após avaliação do seu caso, beneficiar de apoio alimentar e social imediato, enquanto o processo burocrático segue o percurso habitual.

Com o reforço dos apoios sociais às famílias, a Câmara de Idanha-a-Nova pretende ir ao encontro daqueles que se encontram em situação de maior vulnerabilidade socioeconómica, em particular devido à perda de rendimentos causada pela pandemia.

Por outro lado, os produtos são adquiridos no comércio local, de forma a dinamizar o tecido produtivo e empresarial do concelho e a apoiar o investimento e criação de postos de trabalho.

Além de assegurar a entrega de alimentos, o Banco Social de Idanha-a-Nova dispõe ainda de banco de roupas e de ajudas técnicas, realizando o acompanhamento dos beneficiários.

PUB

PUB

PUB

PUB