Autárquicas/Castelo Branco: Candidato do SEMPRE diz estar nas eleições para vencer

O ex-presidente da Câmara de Castelo Branco Luís Correia encabeça a lista do “Sempre – Movimento Independente” com o objetivo de conquistar a presidência do município e dar continuidade ao trabalho iniciado em 2013.

  • Região
  • Publicado: 2021-09-14 12:20
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

“O SEMPRE – Movimento Independente tem como objetivo vencer as próximas eleições autárquicas por forma a liderar a implementação de uma estratégia de desenvolvimento para Castelo Branco”, afirma Luís Correia à Agência Lusa.

O ex-autarca, de 57 anos, foi candidato pelo Partido Socialista (PS) em 2013 e 2017, tendo vencido as duas eleições e conquistado, em ambos os casos, cinco lugares no executivo camarário, contra dois do Partido Social Democrata (PSD).

Em 21 de julho de 2020, após decisões do Tribunal Administrativo e Fiscal de Castelo Branco e do Supremo Tribunal Administrativo, e de recursos do autarca, o Tribunal Constitucional confirmou a perda de mandato, por ter assinado administrativamente, na qualidade de presidente da Câmara, dois contratos com uma empresa detida pelo seu pai, o que já não aconteceria se fossem assinados pelo Vice-presidente, José Augusto Alves. 

Depois, já em 04 de fevereiro de 2021, no julgamento do processo criminal (o anterior era administrativo), o Tribunal de Castelo Branco absolveu Luís Correia, que estava acusado de prevaricação em coautoria com dois empresários, um deles o seu pai.

Em 30 de março, a Comissão Política Concelhia do PS anunciou o nome do atual presidente da Junta de Freguesia de Castelo Branco, Leopoldo Rodrigues, como candidato do PS à Câmara Municipal.

Já em abril, Luís Correia decidiu recandidatar-se às autárquicas, não nas listas do PS, mas como independente.

Segundo a legislação em vigor, caso vença as eleições autárquicas, Luís Correia apenas pode cumprir mais este mandato de quatro anos, porque apenas é permitida a eleição para três mandatos consecutivos no mesmo concelho. 

“É uma candidatura independente que conta com todos, apresenta-se com um grande sentido de responsabilidade e com uma visão integradora para Castelo Branco, dando assim seguimento ao trabalho concretizado ao longo dos últimos anos, com resultados à vista de todos, freguesia a freguesia”, sustenta.

Luís Correia é licenciado em Organização e Gestão de Empresas pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho, em Lisboa.

Diz que a sua candidatura envolve “um projeto de grande alcance, que permitiu investimentos disruptivos, capazes de estimular a economia e de criar novas dinâmicas ao nível do empreendedorismo e da inovação, nas áreas social, associativa, educativa, cultural, entre outras”.

Além disso, realça o incremento de espaços verdes, “melhorando muito a qualidade de vida dos albicastrenses”.

O candidato do SEMPRE sustenta que o reconhecimento do trabalho que fez nos seus mandatos “é nacional e internacional”, e está espelhado “através dos diversos prémios com que o município tem sido distinguido”.

Luís Correia iniciou a sua atividade profissional na Associação Comercial e Empresarial da Beira Baixa. Simultaneamente, trabalhou numa empresa de contabilidade e apoio à gestão de empresas, e lecionou as cadeiras de Contabilidade e Análise Financeira no extinto Instituto Superior de Matemáticas e Gestão (ISMAG) de Castelo Branco, propriedade da atual Universidade Lusófona.

Em 1997, foi eleito vereador, inicialmente em regime de não permanência. Dois meses depois, assumiu o cargo de diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Castelo Branco, que manteve até agosto de 2001, data em que passou a vereador em regime de permanência.

Após as eleições autárquicas de 2005, ficou como vice-presidente da Câmara de Castelo Branco. Em 2010, e durante cerca de dois anos, acumulou a função com a presidência do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco.

Em 2017, pelo PS, conquistou cinco mandatos, enquanto o PSD elegeu dois vereadores.

PUB

PUB

PUB

PUB