Castelo Branco: AE Nuno Álvares participou no projeto +Power

O Agrupamento de Escolas (AE) Nuno Álvares participou no projeto +Power com o trabalho desenvolvido pelos alunos do Estabelecimento de Prisional de Castelo Branco, no dia 27 de Janeiro de 2021.

  • Educação
  • Publicado: 2021-02-01
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Segundo informação a que o Diário Digital Castelo Branco teve acesso, este projeto congrega o trabalho e empenho dos professores Luís Baião e Paulo Serra, finalistas do Global Teacher Prize 2020, dos Agrupamentos de Escolas de Canelas – Gaia e Nuno Álvares de Castelo Branco, respetivamente, bem como de uma vasta equipa de suporte dos respetivos agrupamentos.

O protótipo da consola foi desenvolvido pelos alunos, em reclusão, em contexto de sala de aula, reaproveitando material informático obsoleto, que servirá de modelo para uma Consola Adaptativa de apoio aos Recursos Educativos Digitais Interativos e Inclusivos +Power.

A Consola foi materializada com ajuda do Fab Lab de Castelo Branco que, com o seu centro de prototipagem, permitiu tornar realidade as ideias dos alunos/formandos.

Os recursos, disponibilizados no site, podem ser editados por professores, alunos ou encarregados de educação para apoiar ou reforçar as aprendizagens dos seus alunos ou educandos. 

Neste trabalho, estão envolvidos os alunos do projeto “SIM, Somos Capazes”, alunos do projeto de Canelas – Gaia, que produzem ativamente recursos para alimentar este movimento de Power Gurus.

A vantagem destes recursos baseia-se, principalmente, na adaptabilidade e na simplicidade da execução e de edição, já que são disponibilizados os templates/modelos para que possam ser adaptados facilmente. Depois, com os conhecimentos básicos em programas informáticos de edição e apresentação eletrónica (PowerPoint), podem ser transformados adaptando-se a cada caso, promovendo a inclusão quer digital, social e escolar. 

O projeto tem como missão, de acordo com os mentores do projeto, “proporcionar o desenvolvimento e partilha de recursos educativos digitais e respetivas tecnologias de apoio, através da reciclagem de materiais informáticos, promovendo a Reinserção, a Inclusão e o Voluntariado”, com a participação de uma vasta rede de Power Guru.

PUB

PUB

PUB

PUB