Energia: Sindicato vai ao Governo dizer que EDP e REN não devem ter o mesmo dono

O Sindicato da Energia (SINERGIA) está preocupado com a possibilidade de a REN “ficar nas mesmas mãos da EDP”, depois da privatização, alertando que “não é saudável para o funcionamento do mercado de energia”.

  • Economia
  • Publicado: 2011-12-28
  • Autor: Diario Digital Castelo Branco/Lusa

O Sindicato da Energia (SINERGIA) está preocupado com a possibilidade de a REN “ficar nas mesmas mãos da EDP”, depois da privatização, alertando que “não é saudável para o funcionamento do mercado de energia”.

A menos de um mês da data limite para a entrega das propostas vinculativas para a aquisição de até 40 por cento do capital da gestora da rede energética, o presidente da direção do SINERGIA considerou que a privatização pode ser positiva para os trabalhadores, mas receia que ganhe a proposta da State Grid, detida pelo Estado chinês, tal como a empresa vencedora da corrida à EDP, a Three Gorges Corporation.

“Temos reservas sobre a REN ficar nas mesmas mãos da EDP, porque é muito complicado por uma questão de concorrência”, admitiu à Lusa Afonso Henrique Cardoso, que hoje se reúne com o secretário de Estado da Energia, Henrique Gomes, para debater a política energética nacional.

PUB

PUB

PUB

PUB