Cultura

Sertã: Maratona de Leitura convida portugueses a ler em voz alta

Diario Digital Castelo Branco | 2018-06-26 06:52:00

Vinte e quatro horas de leitura em voz alta. Este é o grande desafio da Maratona de Leitura – 24 Horas a Ler, que decorre, no concelho da Sertã, durante o próximo dia 7 de julho, entre as 0 e as 24 horas. A sétima edição deste evento promete muitas atividades, designadamente encontros com escritores, festas na aldeia, lançamentos de livros, exposições temáticas, percursos literários e feiras do livro. O Padre Manuel Antunes é a figura homenageada este ano.

“A Maratona de Leitura – 24 Horas a Ler é o principal evento cultural do Concelho da Sertã e tem-se conseguido afirmar, ao longo dos últimos anos, como um dos grandes certames literários da região Centro”, sublinhou José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã, entidade promotora desta iniciativa.

Para o autarca, “a Maratona é uma aposta ganha e é a prova de que no Interior do país é possível organizar certames desta dimensão dedicados à cultura. Temos um público fiel, que tem crescido de ano para ano”.

Aliás, os números da Maratona de Leitura não deixam margem para dúvidas. Só em 2017, mais de duas mil pessoas participaram nas várias atividades organizadas e, para 2018, a expetativa é que estes números possam crescer substancialmente.

José Farinha Nunes lembra que a Maratona de Leitura – 24 Horas a Ler é “um projeto diferenciador, onde se procura motivar as pessoas para a leitura, lançando-lhes o desafio para lerem em voz alta excertos de obras dos seus autores preferidos”. Além disso, “a Maratona tem assumido um importante papel de ator social, trabalhando para garantir a coesão territorial, através do envolvimento da comunidade, e levando a leitura e as histórias até junto das pessoas”.

À semelhança das edições anteriores, a Maratona de Leitura terá o seu epicentro na Biblioteca Municipal Padre Manuel Antunes. É aqui que decorrerão as leituras em voz alta entre as 0 e as 21 horas do dia 7 de julho. Durante as três últimas horas, o castelo da Sertã será o palco da leitura e de algumas iniciativas que assinalarão o encerramento desta sétima edição.

O painel de convidados para a Maratona de Leitura inclui os escritores Valter Hugo Mãe, Pilar del Río, Marina Colasanti, Miguel Real, José Eduardo Franco, Sandra Carvalho, Miguel-Manso, Joana Lopes, David Machado, Tiago Salazar, Pedro Rodrigues, Ana Filomena Amaral, Ricardo Belo de Morais, além do radialista Fernando Alves, do apresentador e humorista Fernando Alvim, do rapper J-K, do chef Joe Best, do ator Pedro Lamares e da ilustradora Mafalda Milhões. Marcarão também presença os contadores de histórias Jorge Serafim, Bru Junça, Rodolfo Castro, Filipe Lopes, Clara Haddad, Maurício Leite, Virgínia Millefiori, Ana Cristina Pereira e Elsa Serra.

O programa desta edição apresenta diversas iniciativas, com destaque para as Festas na Aldeia, em que 16 aldeias do município da Sertã serão visitadas por Bibliotecas Itinerantes provenientes de vários pontos do país. Cada uma será acompanhada por um contador de histórias que em cada aldeia realizará uma sessão de contos para a comunidade local.

O lançamento de um livro sobre o Padre Manuel Antunes, com textos inéditos de vários escritores convidados, está igualmente previsto para a Maratona de Leitura, acontecendo no mesmo dia a apresentação do livro infantil «Manuel, O Menino com Asas de Livros», da autoria de Joana Lopes e com ilustrações de Mafalda Milhões.

Para 7 de julho está ainda agendada a exibição de um documentário sobre o Padre Manuel Antunes, a realização do percurso literário «Pe. Manuel Antunes – Uma Viagem às Raízes», o espetáculo musical «Contra! Contemporânea Tradição», bem como uma performance poética a cargo dos Andante, uma Oficina de Criação de Histórias e Ilustrações e a inauguração da exposição dos trabalhos do projeto «Leitores do Património». Referência ainda para as duas exposições que estarão patentes ao público na Biblioteca Municipal e que afloram diferentes aspetos da vida e obra do Padre Manuel Antunes: crítica literária e referências biográficas na imprensa periódica).

O presidente da Câmara Municipal da Sertã está “muito confiante” no sucesso desta maratona e lança “o desafio a todos os leitores do país a estarem presentes num certame que prima pela originalidade e assume uma clara missão de serviço público”.

Sobre a escolha do Padre Manuel Antunes para figura em destaque na Maratona, José Farinha Nunes diz que a Sertã “tem o dever de invocar as suas grandes personalidades, divulgando-as de todas as formas para o resto do país. No ano do primeiro centenário do nascimento do Padre Manuel Antunes fazia todo o sentido que fosse esta figura cimeira das letras e da academia portuguesa, nascida na Sertã, a ser enaltecida”.


Publicidade
Meteorologia
Hoje
Amanhã
Noticias
Newsletter
Publicidade
Publicidade
© Diario Digital Castelo Branco 2018
Política de privacidade e cookies
Desenvolvido por citricweb.pt