Região

Idanha-a-Nova: Melancia do Ladoeiro é a melhor do mundo

Diario Digital Castelo Branco | 2017-07-17 07:50:00

A Melancia do Ladoeiro foi a ‘estrela’ do festival dedicado ao fruto mais fresco do verão, organizado este fim-de-semana pelo Município de Idanha-a-Nova e a Junta de Freguesia do Ladoeiro.

Durante o XIII Festival da Melancia do Ladoeiro, o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, anunciou um processo de qualificação e registo do nome do produto para afirmação e diferenciação nos mercados nacionais e internacionais.

“A Melancia do Ladoeiro é provavelmente a melhor melancia do mundo. E quando afirmamos isto temos por base anos de trabalho desenvolvido sobre a qualidade desta melancia. A sua altíssima qualidade advém das condições edafoclimáticas excecionais em que é produzida neste território”, sustenta Armindo Jacinto.

Efetivamente, a Câmara de Idanha-a-Nova e os produtores locais têm feito um investimento forte em processos de qualificação, introduzindo inovações como a Melancia do Ladoeiro biológica e várias variedades com e sem sementes.

Num ano em que a produção aumentou, o Festival da Melancia do Ladoeiro foi, mais uma vez, o momento ideal para promover este fruto, com muita animação e muitas toneladas de melancia.

O presidente da Junta de Freguesia do Ladoeiro destaca o reconhecimento que o produto tem hoje. “Este festival começou com quatro expositores e poucos visitantes. Mas quando um produto é bom, a sua qualidade acaba por ser confirmada, e hoje a Melancia do Ladoeiro atrai milhares de visitantes e é conhecida de norte a sul do país”, refere Gonçalo Costa.

A eleição da melancia mais pesada, um dos momentos altos do certame, foi ganha por um exemplar de 17,18 kg do produtor João Marques Gregório.


Publicidade
Meteorologia
Hoje
Amanhã
Noticias
Newsletter
Publicidade
Publicidade
© Diario Digital Castelo Branco 2017
Desenvolvido por citricweb.pt